Circuito das Cavalhadas 2023 será o maior da história

Circuito começa no dia 27 de maio e vai até dia 15 de outubro. Batalhas entre mouros e cristãos serão encenadas em 13 municípios. Luziânia passa a integrar circuito.

O Circuito das Cavalhadas 2023 será realizado em 13 municípios goianos. O calendário oficial foi divulgado nesta segunda-feira (15/05) pelo governador Ronaldo Caiado, em solenidade que contou com a presença da presidente de honra da OVG e coordenadora do Gabinete de Políticas Sociais (GPS), primeira-dama Gracinha Caiado, além de prefeitos, cavaleiros e organizadores.

As encenações, consideradas uma das manifestações populares mais tradicionais de Goiás, ocorrem de maio a outubro, com investimento estadual de R$ 3 milhões.

“Eu não acredito em um estado que não cultive, não se orgulhe e não mostre a sua história para todas as gerações”, afirmou Caiado.

O chefe do Executivo reforçou seu empenho em manter vivas as tradições, garantindo a retomada do evento em diversos municípios, como Luziânia.

“Estamos resgatando cidades que ficaram muito anos sem viver as Cavalhadas”, complementou.

O vice-governador, Daniel Vilela, frisou que a ampliação do calendário é resultado de uma gestão “competente, menos burocrática e transparente”.

“Antes tínhamos programas que não dispunham de recursos suficientes; eram, na verdade, apenas simbólicos”, lembrou.

“Estamos resgatando cidades que ficaram muito anos sem viver as Cavalhadas”, disse Caiado (Foto: Júnior Guimarães)

As cidades de Santa Cruz de Goiás, Posse, Jaraguá e Pirenópolis realizarão o evento das Cavalhadas ainda neste mês de maio. Em Palmeiras de Goiás, Hidrolina, São Francisco de Goiás e Crixás, a festa será em junho.

A apresentação em Santa Terezinha de Goiás será em julho. Já em Pilar de Goiás e Corumbá de Goiás, as batalhas ocorrem em setembro. A cidade de Goiás, primeira capital do estado, fecha o circuito no mês de outubro.

A novidade este ano é o ingresso de Luziânia, também no mês de junho. Conforme a prefeitura, o município tem registros ainda do século XVII, mas a tradição acabou se perdendo com o passar do tempo.

Além das 13 cidades, Niquelândia e Silvânia também receberão investimentos e ações de forma a se preparem para o circuito do ano que vem.

A secretária da Cultura, Yara Nunes, disse que uma Organização da Sociedade Civil (Osc) foi contratada para facilitar com a gestão dos recursos e atender demandas dos cavaleiros.

“Neste final de semana já tivemos algumas atividades e estamos providenciando reparos nas roupas”, explicou.

Interiorização da cultura

O apoio às Cavalhadas é parte de uma política de interiorização da cultura promovida pelo Governo de Goiás, por meio da Secult.

As apresentações receberam, de 2019 a 2022, R$ 4,4 milhões em recursos do Estado para montagem de cenário, compra de vestimentas e divulgação, entre outras despesas.

Este ano, a administração também bancou a obra de readequação do Cavalhódromo de Pirenópolis, no valor de R$ 78 mil.

Calendário – Circuito das Cavalhadas 2023

• Santa Cruz de Goiás – 27 a 28 de maio
• Posse – 27 a 28 de maio
• Jaraguá – 27 a 29 de maio
• Pirenópolis – 28 a 30 de maio
• Luziânia – 03 de junho
• Palmeiras de Goiás – 09 a 11 de junho
• Hidrolina – 09 a 11 de junho
• São Francisco de Goiás – 17 e 18 de junho
• Crixás – 24 e 25 de junho
• Santa Terezinha de Goiás (Cedrolina) – 15 e 16 de julho
• Pilar de Goiás – 09 e 10 de setembro
• Corumbá de Goiás – 07 a 09 de setembro
• Cidade de Goiás – 14 e 15 de outubro

Secretaria de Comunicação – Governo de Goiás

About dptoconteudo dptoconteudo

Check Also

OAB denuncia agressão a advogado na CPP de Aparecida

Superintendência de Segurança Penitenciária da Diretoria-Geral de Administração Penitenciária acompanha o caso. Secretária-geral executiva da …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *